Search
  • Dr. Luiz Fink

Massa Muscular e Envelhecimento


É comum vermos como as pessoas desaceleram à medida que envelhecem. Eles caminham com cautela, tem dificuldades para se levantar de uma cadeira. Eles olham para um lance de escadas com apreensão. O problema? Em muitos casos, eles perderam massa muscular. Então, eles simplesmente não são tão fortes como costumavam ser.

A perda de massa muscular com a idade - chamada de sarcopenia - é uma condição comum. Muitas vezes não é apenas um problema para a faixa etária geriátrica. Mesmo pessoas na casa dos 50 anos podem perder massa muscular. E não é só perder força que é um problema. Pessoas que perdem massa muscular correm o risco de ter uma qualidade de vida reduzida e uma expectativa de vida mais curta.


Por que você perde massa muscular com a idade?


É do conhecimento geral que seus músculos enfraquecem à medida que você envelhece. Mas por que isso acontece? A causa é sempre multifatorial, vários fatores combinados contribuem para essa perda.

Entre os fatores que mais influem na causa da sarcopenia, estão:

  • Alterações no processo de morte e regeneração da célula muscular

  • Mudança nos fatores inflamatórios

  • Você pode ganhar mais tecido adiposo do que massa muscular

  • Influência de doenças crônicas

  • redução no nível de atividade

  • Alterações no padrão da alimentação


Como manter sua massa muscular à medida que envelhece?


A dica principal para permanecer forte com a idade? Mantenha-se saudável.

A atividade física é um fator chave no processo de envelhecimento saudável. O essencial é fazer algum tipo de exercício. A meta é trabalhar de 30 a 45 minutos por dia, cinco dias por semana. Isso pode ser assustador para alguém que nunca fez nada antes. Mas tudo ajuda, Até mesmo caminhar pela casa - começar de alguma maneira é o primeiro passo, você começará a se sentir melhor e a melhorar sua qualidade de vida com uma pequena mudança na atividade.


Avalie sua dieta. Converse com seu médico ou nutricionista sobre o que você está comendo. Muitas pessoas optam por uma dieta de baixa caloria e proteínas se estão tentando perder peso. Mas você precisa ter proteína e combustível suficientes para interromper a perda muscular e iniciar o processo de recuperação.


Enfrente os problemas de saúde relacionados ao que você come. Ao discutir sua dieta, fale sobre quaisquer questões que tornem uma boa nutrição um desafio para você. Com a idade, você pode perder o paladar , ficar com menos sede, não sentir vontade de comer muito ou ter dificuldade para engolir . Seu médico ou nutricionista podem ajudá-lo a encontrar alimentos que funcionem dentro de suas limitações.


Controle todas as doenças. Se você tiver doenças crônicas como diabetes , certifique-se de ter um plano de tratamento sólido que os mantenha sob controle ideal.



Às vezes, perder massa muscular pode ser um sinal de um problema mais sério.


Quando você perde massa muscular, também pode perder peso. Se você perder peso quando não estiver tentando, ou se perder peso muito rápido, converse com seu médico. Nem sempre é o número de quilos que você perde. Às vezes, é o grau ou a velocidade.

Se você está preocupado com a perda de peso inexplicável, é útil compartilhar os detalhes com seu médico. Por exemplo, talvez você tenha perdido três quilos em duas semanas. Ou talvez você tenha perdido dois tamanhos de vestido em um mês. Isso dá ao seu médico mais informações do que simplesmente relatar que você está perdendo peso. Em seguida, seu médico pode perguntar sobre outros sintomas e avaliar se a perda de peso pode ser um sinal de um problema de saúde.

Às vezes, você pode precisar da ajuda de um especialista, como um médico do esporte. Ao contrário do que possa parecer, o médico do esporte não trata apenas de atletas, o condicionamento físico pode ser realizado em qualquer idade e nível de capacidade. A melhora da capacidade física pode ser usada tanto para bater um recorde olímpico quanto para se conseguir recuperar a capacidade de dar a volta no quarteirão. Entre outras coisas, o Médico do esporte é treinado para lidar com condições como fragilidade, perda de peso, perda de massa muscular, lentidão e baixa resistência em adultos mais velhos.



O resultado final


Qualidade de vida, independência para realizar as atividades de vida diária, bem estar físico e mental, redução da obesidade, melhor controle de doenças crônicas, redução na quantidade de remédios em uso, controle da depressão. Esses são alguns dos benefícios que podem ser obtidos quando se alia o condicionamento físico ao envelhecimento.

É comum perder massa muscular à medida que envelhecemos. Mas, fazendo exercícios, escolhendo os alimentos certos, resolvendo desafios nutricionais e controlando suas doenças, você pode evitar a perda e permanecer forte. O objetivo é dar um pequeno passo em direção a um futuro mais forte. A inspiração para fazer isso é mais da metade da batalha ganha.

3 views0 comments